×

Publicidade

Brasil

Ministério faz ação de combate a crimes de abuso contra crianças

Autoridades cumprem 105 mandados de busca e apreensão em estados brasileiros e outros seis países

A pena para quem armazena este tipo de conteúdo no Brasil é de um a quatro anos de prisão, de três a seis anos.

O ministério da Justiça e Segurança Pública inicia a 5ª fase da operação Luz na Infância, deflagrada na manhã desta quarta-feira (4), com o objetivo de e identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet.

As autoridades cumprem 105 mandados de busca e apreensão no Brasil e mais seis países em busca de arquivos com conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual praticados contra crianças e adolescentes.

No território nacional, a operação integrada envolve as Polícias Civis do Amazonas, Amapá, Alagoas, Ceará, Distrito Federal, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraná, Piauí, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte juntamente com a Polícia Federal.

Continua após a Publicidade

A pena para quem armazena este tipo de conteúdo no Brasil é de um a quatro anos de prisão, de três a seis anos por compartilhar e de quatro a oito anos de por produzir conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual.

Fases anteriores 

A primeira fase da operação Luz na Infância foi deflagrada em 20 de outubro de 2017, quando foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais e 108 pessoas foram presas.

A segunda fase aconteceu em 17 de maio de 2018, com 579 mandados de busca e  prisão de 251 pessoas.

A terceira fase foi deflagrada em 22 de novembro de 2018 no Brasil e na Argetina. Foram cumpridos 110 mandados de busca e 46 pessoas foram presas.

quarta aconteceu em 28 de março deste ano em todo Brasil, com cumprimento de 266 mandados e 141 pessoas presas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte:R7.com

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.