×

Publicidade

Brasil

Novo projeto de lei mira acabar com reexame de prisão a cada 90 dias

Proposta quer extinguir parágrafo único artigo 316 do Código de Processo Penal, que permitiu a liberação do traficante André do Rap da cadeia

O dispositivo, ainda em vigor, permitiu a liberação do traficante André do Rap, que estava preso há mais de 1 ano em uma penitenciária de segurança máxima de São Paulo.

O deputado federal Capitão Augusto (PL-SP) apresentará, nesta terça-feira (13), um novo projeto de lei que acaba com a obrigatoriedade de a Justiça revisar a prisão preventiva a cada 90 dias.

A análise das prisões preventivas a cada 3 meses está prevista no parágrafo único do artigo 316 do Código de Processo Penal e foi incluído no pacote anticrime sancionado em 2019.

O dispositivo, ainda em vigor, permitiu a liberação do traficante André do Rap, que estava preso há mais de 1 ano em uma penitenciária de segurança máxima de São Paulo.

Continua após a Publicidade

Como argumento, o deputado federal diz que, quando relatou o pacote anticrime, ficou “vencido em algumas votações” que incluíram alguns dispositivos que, “em vez de fazerem jus ao foco ‘anticrime’, favoreceriam os infratores da Lei”.

“Exatamente como previ, recentemente, a sociedade assistiu, perplexa, à determinação pelo Ministro Marco Aurélio de soltura de um dos chefões do PCC (Primeiro Comando da Capital), simplesmente pela alegação de inobservância desse dispositivo”, afirma na proposta.

De acordo com o parlamentar, o projeto de lei mira extinguir a exigência da análise a cada 90 dias, o que classificou de “exigência absurda”, já que os tribunais brasileiros vivem uma sobrecarga de trabalho.

 

 

Fonte: R7.com

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.