×

Publicidade

Coluna da Célia Lima

Para repensar as relações familiares

A parentalidade é a qualidade dos vínculos estabelecidos entre os pais e filhos. E estes recebem influência dos tipos de relações parentais vividas pelos pais. Por isso, é relevante refletir sobre os modelos parentais que foram oferecidos pela família, para que se possa questionar sobre o que irá se passar para os filhos.

O livro-caixinha Vamos Falar de Parentalidade Consciente (Matrix Editora, R$ 40) traz 100 perguntas que favorecem a compreensão dos padrões que influenciam a parentalidade, possibilitando obter maior autoconhecimento e consciência sobre a própria história. Ou seja, a obra da psicóloga Thaís Siqueira  favorece a reflexão sobre as práticas educativas com os filhos, podendo contribuir para uma melhora das relações familiares e estreitamento dos vínculos.

Continua após a Publicidade

Alguns exemplos:

“Como as feridas emocionais da sua infância impedem você de ser o pai/mãe que quer ser?”

“Você trata seus filhos com o mesmo respeito que deseja para si mesmo(a)?”

“Qual comportamento dos seus filhos tem sido mais desafiador para você ultimamente?”

“Que padrões você repete das experiências da sua infância e de que forma eles influenciam sua parentalidade?”

Sobre a autora

Thaís Siqueira é psicóloga e educadora parental certificada pela PDA – USA, além de palestrante em Psicologia  Perinatal e Parentalidade.

 

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.