×

Publicidade

Coluna do Udes Filho

Coronavírus: Edivaldo determina higienização de espaços públicos em São Luís

Gestor tem implantado medidas importantes nas áreas de saúde, limpeza urbana, assistência social e outras que contribuem para deter a pandemia da Covid-19 na capital maranhense

Prefeito Edivaldo determina a higienização de espaços públicos em mais uma medida de combate ao novo coronavírus

Em mais uma medida de combate ao novo coronavírus (Covid-19) em São Luís, o prefeito Edivaldo Holanda Junior determinou a higienização dos pontos de grande concentração de pessoas em São Luís. O trabalho está sendo realizado por meio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. Neste primeiro momento, estão sendo priorizadas as principais avenidas da cidade, o entorno das unidades de saúde, paradas de ônibus, entre outros. Para a higienização está sendo usada a máquina de lavagem hidrotérmica, contendo uma solução de água com hipoclorito de sódio, substância muito utilizada como desinfetante para superfícies, pois reduz as chances de contaminação por vírus, parasitas, bactérias e outros agentes causadores de doenças.

O prefeito Edivaldo destacou que o combate ao novo coronavírus tem sido a prioridade de sua gestão neste momento de pandemia. “Estamos com todos os órgãos da administração municipal mobilizados para garantir a saúde da população, empenhando todos os esforços necessários para evitar a proliferação do novo coronavírus em São Luís. É de suma importância que todos mantenham redobrados os cuidados de higiene, o isolamento e o distanciamento social, ficando na segurança de suas casas. Saindo só em caso de extrema necessidade”, disse o gestor municipal. Em São Luís, há oito casos confirmados da Covid-19.

Continua após a Publicidade

Entre os locais que já receberam o serviço de higienização estão às avenidas Coronel Colares Moreira e Marechal Castelo Branco, nos bairros São Francisco e Renascença. Um dos locais higienizados foi o entorno do Hospital Carlos Macieira. Todos os pontos de ônibus ao longo das duas avenidas também foram higienizadas. O serviço será realizado em todos os pontos da cidade onde ainda há circulação de pessoas.

Mesmo com a suspensão de parte das atividades comerciais da cidade, dos atendimentos presenciais no serviço público e das aulas nas instituições de ensino da rede pública e privada, o que ocasionou a redução de 50% no número de passageiros no transporte urbano e a diminuição do volume de carros nas ruas e avenidas, ainda há uma parcela significativa da população que precisa sair de casa todos os dias por trabalhar em áreas consideradas essenciais como a saúde, segurança, limpeza urbana e outras.

Portanto, a medida é necessária para garantir a saúde destes profissionais e das pessoas com as quais eles convivem diariamente. Por isso, estão sendo priorizadas as principais avenidas, o entorno das unidades de saúde, paradas de ônibus e outros locais que ainda aglomerem pessoas, apesar das medidas de isolamento social adotadas pelo Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís.

A presidente do Comitê de Limpeza, Carolina Estrela, disse que é determinação do prefeito Edivaldo que as ações de limpeza sejam intensificadas. “Para isso o comitê está realizando a desinfecção das áreas públicas com mais movimentação de pessoas. Principalmente os abrigos de ônibus próximos a unidades de saúde, portas de hospitais, bancos públicos. Estamos com a coleta domiciliar intensificada e como medida de segurança, foi suspensa a coleta seletiva”, disse Carolina.

Também foram suspensos os serviços de transporte e de manejo nas instalações de recuperação de resíduos recicláveis devido ao risco que apresentam. Os Ecopontos estão recebendo apenas os resíduos de podas, volumosos e entulhos por prazo indeterminado. A Prefeitura também pede à população que descarte os resíduos de doentes que estão em casa, como luvas e mascaras, em sacos duplos.

OUTRAS MEDIDAS

Entre outras medidas tomadas por determinação do prefeito Edivaldo para coibir o avanço da Covid-19 entre a população da capital estão a suspensão das atividades em secretarias e órgãos do atendimento ao público em serviços que não são considerados essenciais com a disponibilização de canais eletrônicos para que a população continue tendo acesso aos serviços.

A estrutura da saúde municipal está sendo reforçada. Toda a estrutura do Hospital da Mulher, com 43 leitos clínicos e 10 leitos de UTIs, está sendo reservada para o atendimento e tratamento de casos do novo coronavírus, sendo a unidade referência na rede municipal.

Também está sendo feita a higienização frequente dos ônibus com os produtos recomendados pelas autoridades de saúde. Este trabalho é feito nas garagens, antes da saída dos veículos, e ao longo do dia nos terminais de integração, no intervalo das viagens. Também foi determinado o desligamento do ar-condicionado dos veículos, que agora circulam com as janelas abertas.

O efetivo da Guarda Municipal de São Luís está realizando fiscalização permanente nas praias, para evitar aglomerações. Esta é uma ação conjunta com o Corpo de Bombeiros. As autorizações de eventos públicos ou privados foram suspensas, incluindo a Feirinha São Luís e as edições do programa Todos Por São Luís.

A população de rua também receberá atendimento especial neste período com a disponibilização de atendimento em saúde para detectar possíveis casos da doença entre estas pessoas. Também será disponibilizado abrigo temporário no Estádio Castelão, que terá capacidade para receber até 100 pessoas, reforçando o número de vagas já disponíveis nos dois centros de atendimento à população de rua mantidos pela Prefeitura de São Luís.

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.