×

Publicidade

Coluna do Udes Filho

Viagem no tempo? Contrato de 2019 “foi assinado em 2029” pela Prefeitura de Bequimão

O grande problema está na data de assinatura do contrato, que é algo fora do comum, consta no TCE que o contrato foi assinado em 22/03/2029. Como assim? Se estamos no ano de 2020!

RYM972 LLOYD,FOX, BACK TO THE FUTURE, 1985

Durante o processo de investigação jornalística, que está sendo realizado pela equipe de O Quarto Poder, sobre o destino das verbas emergenciais para o combate à Covid-19, recebidas pelas Prefeituras do Maranhão, nos deparamos com fatos curiosos, alguns até motivaram muitas risadas, aqui, na redação.

Um dos casos que mais chamou a atenção, entre os membros da nossa equipe, envolve a Prefeitura Municipal de Bequimão, no interior do Maranhão.

Continua após a Publicidade

Durante levantamento de despesas junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), através do Sistema de Acompanhamento de Contratações Públicas (SACOP), para tentar apurar os gastos das Prefeituras do Maranhão com as verbas destinadas ao enfrentamento do novo coronavírus, acabamos encontrando uma contratação inusitada, que “comprova” a possibilidade da viagem no tempo.

De volta para o futuro

 

Na relação do TCE, um contrato firmado entre a Secretaria Municipal de Administração, Transporte e Infraestrutura de Bequimão, junto à empresa M M RODRIGUES SERVICOS – ME, CNPJ: 69.419.745/0001-96, acabou gerando um debate, entre nós, sobre a possibilidade da viagem no tempo. O contrato é identificado como 001A/2019, no processo número 001/2019, no valor de R$ 93.126,300000, tendo como objeto a contratação de empresa para fornecimento de material gráfico. Até aí, tudo bem!

O grande problema está na data de assinatura do contrato, que é algo fora do comum, consta no TCE que o contrato foi assinado em 22/03/2029. Como assim? Se estamos no ano de 2020!

Ficou evidente, para a redação e para este colunista, que se trata de um erro de digitação. Mas não deixa de render uma boa notinha, né! Só para descontrair um pouco.

Imaginamos até algumas manchetes interessantes tipo: “De volta para o futuro! Contrato em vigor em Bequimão será assinado só em 2029”.

Um questionamento engraçado foi: Será que a Câmara Municipal e o Ministério Público de Bequimão, em 2029, farão a apuração para mandar o contrato de volta para o passado? (Risos).

 

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.