×

Publicidade

Câmara SL

Câmara realizará Painel Virtual sobre políticas LGBTQIA+ na próxima quinta-feira, 24

O evento tem como objetivo ampliar a visibilidade das populações de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis, queers, intersexuais, dentre outras.

O painel é uma iniciativa do Coletivo Nós (PT) e tem como objetivo ampliar a visibilidade dessa comunidade

A Câmara Municipal de São Luís convida toda a comunidade ludovicense a participar do Painel Virtual sobre Políticas LGBTQIA+, que será realizado na próxima quinta-feira, 24, às 9h, e será transmitido pelo aplicativo Câmara Municipal de São Luís e pelo canal no Youtube.

O painel é uma iniciativa do Coletivo Nós (PT) e tem como objetivo ampliar a visibilidade das populações de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis, queers, intersexuais, dentre outras, fomentando políticas públicas que garantam direitos. Para o co-vereador Jhonatan Soares o evento endossa as discussões que ocorrem durante todo o mês de junho, também conhecido como mês do orgulho LGBT.

“Durante o painel, serão expostos os dados mais recentes acerca da população LGBTQIA+, bem como proposição de soluções para os desafios vivenciados por essa comunidade nos mais variados âmbitos, como educação, saúde e mercado de trabalho”, declarou o co-vereador Jhonatan Soares.

Continua após a Publicidade

Conheça a história do mês do orgulho LGBT
O mês de junho, em que será realizado o painel, é um marco internacional de celebração dos direitos conquistados pela população LGBT, como também um lembrete dos desafios que precisam ser contornados.

A comemoração se dá em alusão à Rebelião de Stonewall, ocorrida em 28 de junho de 1969, nos Estados Unidos, quando frequentadores do bar Stonewall Inn – muito popular entre a comunidade LGBT nos anos 60, em Nova York – atearam objetos na polícia e atearam fogo.

O confronto se deu a partir do dia 28 de junho, quando policiais resolveram invadir o bar e prender vários frequentadores, em especial travestis e drag queens porque usavam roupas do sexo oposto. Ser gay era crime em boa parte dos Estados Unidos.

Nos 5 dias seguintes, milhares de pessoas se reuniram na frente do bar Stonewall para protestar contra a violência contra a comunidade LGBT+, dando início ao mês e ao Dia Internacional do Orgulho LGBT.

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.