×

Publicidade

São Luís

Prefeito Edivaldo anuncia pacote de investimentos para área da saúde

Entre os investimentos estão reforma de unidades de saúde, aquisição de veículos, ambulâncias e novos equipamentos hospitalares, entre outras ações; o anúncio foi feito durante o seminário Gestão de Resultados na Saúde de São Luís

O anúncio foi realizado durante o seminário Gestão de Resultados na Saúde de São Luís, organizado pela Secretaria Municipal de Saúde.

O prefeito Edivaldo Holanda Junior anunciou nesta terça-feira (20) um grande pacote de investimentos para a área da saúde. O anúncio foi realizado durante o seminário Gestão de Resultados na Saúde de São Luís, organizado pela Secretaria Municipal de Saúde para apresentar os avanços já alcançados na rede municipal e pontuar como a gestão vem superando problemas históricos com modernização e humanização. O pacote anunciado pelo prefeito Edivaldo, que se soma às iniciativas já desenvolvidas, inclui reforma de unidades de saúde, aquisição de veículos, ambulâncias e novos equipamentos, entre outros investimentos. Na ocasião, o gestor municipal destacou que dará ordem de serviço para início das obras.

“Na nossa gestão olhamos para aqueles que mais precisam e buscamos, todos os dias, com muito trabalho, fazer o melhor por eles. Tenho a alegria de ter ao meu lado uma equipe comprometida, por isso agradeço a todos que contribuem para que possamos fazer de São Luís uma cidade cada vez melhor para se viver. Hoje, anuncio com prazer mais essas boas notícias para a área da saúde. São investimentos que vêm para aperfeiçoar o trabalho realizado e que vai beneficiar a população ludovicense, nos fazendo avançar ainda mais na área da saúde”, destacou o prefeito Edivaldo, que acompanhou as apresentações ao lado da primeira-dama Camila Holanda.

Continua após a Publicidade

O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, destacou a importância do momento. “O prefeito Edivaldo nos pede para trabalharmos com diálogo e transparência e é com esse compromisso que usamos esse momento para apresentarmos a todas as equipes os resultados alcançados pelos diversos setores da Semus. É também neste momento que, a partir do anúncio do prefeito Edivaldo, motivamos ainda mais as equipes e traçamos novos objetivos a serem alcançados para que possamos avançar ainda mais e, assim, continuar transformando as vidas das pessoas que precisam dos serviços públicos de saúde”, ressaltou o Lula Fylho.

Também acompanharam o evento os secretários municipais Socorro Araújo (Turismo), Marlon Botão (Cultura), Moacir Feitosa (Educação), Héryco Coqueiro (Segurança com Cidadania), Mittz Rodrigues (Administração), José Cursino Raposo (Planejamento), Mádison Leonardo (Urbanismo e Habitação), Andréa Lauande (Assistência Social), Nonato Chocolate (Relações Parlamentares) e Romeo Amim (Desporto e Lazer); o controlador-geral do município, Jackson Castro; os vereadores Paulo Vitor, Genival Alves, Concita Pinto, Pavão Filho, Estevão Aragão, entre outras autoridades.

INVESTIMENTOS

Entre os novos investimentos anunciados pelo prefeito Edivaldo na área da saúde está a reforma de oito unidades básicas de saúde; da Ouvidoria; do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest); da Usina de Gás da UPA da zona rural; do Hospital Socorrão II; do Ambulatório do Hospital da Criança; das Unidades Mistas do Bequimão e do São Bernardo; do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) da Alemanha; e da Escola Técnica do SUS (ET-SUS).

Também no pacote de investimentos, está a aquisição de equipamentos de odontologia, como cadeiras odontológicas completas e ultrassom-odontológico; além de 95 equipamentos de informática, mais de 300 equipamentos hospitalares e mais de 2,6 mil itens de mobílias hospitalares. Foi anunciada também a aquisição de dois veículos para zoonoses, de cinco ambulâncias para o Samu, 93 monitores multiparamétricos, além de 50 carros maca avançados, quatro aparelhos de raio-x móvel e um aparelho de raio-x fixo digital.

Profissionais da área da saúde comemoraram o anúncio dos investimentos que vão beneficiar diretamente a população de São Luís. “Vejo que a gestão do prefeito Edivaldo veio para inovar e reestruturar a rede municipal de saúde. Digo isso porque hoje vimos o quanto conseguimos avançar mesmo em um cenário econômico desfavorável. Como profissional da área, acredito que os investimentos anunciados vão motivar as equipes e contribuir para que possamos qualificar ainda mais a assistência oferecida aos usuários do sistema público de saúde, considerando que grande parte dos investimentos estão voltados para reestruturar e equipar as unidades de saúde”, disse a enfermeira da Rede de Assistência à Saúde da Semus, Ana Paula Gomes.

AVANÇOS

Além de ser um momento para o anúncio dos novos investimentos, o seminário Gestão de Resultados na Saúde de São Luís teve o objetivo de reunir os muitos avanços já obtidos na rede municipal de saúde. Os resultados foram apresentados por superintendentes, coordenadores, chefes de setores e diretores de unidades de saúde. Avanços foram pontuados em todos os setores da rede especialmente em áreas como a Superintendência de Ações em Saúde; as coordenações de Imunização, Combate às Infecções Sexualmente Transmissíveis, Educação em Saúde, Informação da Saúde; e as diretorias de unidades de saúde como o Hospital da Mulher, o Socorrão I, o Hospital da Criança e o Socorrão II.

Entre os avanços conquistados, destacou-se no seminário a reestruturação da Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc) a partir de investimentos que resultaram no fim das filas para a marcação de consultas e exames. O prefeito Edivaldo investiu em sistema e tecnologia, descentralizou os pontos de marcação de consultas – hoje com 23 espaços disponíveis para o serviço – melhorou a infraestrutura, investiu em pessoal, ampliou o atendimento e acabou com a senha de pré-agendamento e com semana de marcação de consultas, possibilitando o agendamento diário de procedimentos e o aumento de 160% no número de consultas no mês.

Ainda entre os avanços mais expressivos alcançados ao longo da gestão do prefeito Edivaldo estão a reativação do Hospital da Mulher, com ampliação e qualificação dos serviços; a reestruturação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192), com redução do tempo-resposta de 222 minutos para 30 minutos e, assim, qualificação do serviço junto ao Ministério da Saúde; a humanização nos hospitais de urgência e emergência, com redução de 70% no indicador de superlotação no Socorrão II; além do reforço nas ações de combate às arboviroses, bem como na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, entre outras ações na área da atenção básica.

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.