×

Publicidade

São Luís

Prefeito Edivaldo inicia obra de requalificação do Mercado das Tulhas, na Praia Grande

Um dos principais pontos turísticos de São Luís receberá intervenções na estrutura física, elétrica, hidráulica e sanitária; obra integra pacote de ações do programa São Luís em Obras lançado pelo prefeito Edivaldo

Gestão do prefeito Edivaldo avança com programa São Luís em Obras e inicia reforma do Mercado das Tulhas.

A prefeitura de São Luís deu início, nesta segunda-feira (16), às obras de reforma do Mercado das Tulhas, na Praia Grande. A reforma do mercado integra as ações do programa São Luís em Obras lançado pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior com o objetivo de promover grandes melhorias na área da infraestrutura em diversos pontos da cidade. A obra do mercado prevê intervenções na estrutura física, elétrica, hidráulica, sanitária e modernização de toda área. A requalificação do espaço visa garantir melhores condições de trabalho para os feirantes, bem como um ambiente mais agradável aos frequentadores do local.

“Essa é uma obra há muito esperada pela população. Uma ação que vai beneficiar tanto os trabalhadores quanto o público que frequenta o espaço. É uma obra que favorece o turismo e também fortalece na população ludovicense o orgulho por fazer parte desta cidade encantadora que é São Luís. Estamos muito felizes com o andamento do programa São Luís em Obras, resultado de uma gestão comprometida com o bem-estar da população”, ressalta o prefeito Edivaldo.

De acordo com o projeto de manutenção e reparação da edificação os ajustes, modificações ou complementações serão realizados de forma a preservar os elementos construtivos originais do espaço, mantendo e conservando um bem cultural que faz parte do Conjunto Arquitetônico e Paisagístico da Cidade de São Luís, tombado pelo Governo Federal, e de área considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Continua após a Publicidade

Neste início das obras, coordenada pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), foi interditada a saída do mercado que dá acesso à Rua Portugal. A fim de promover a organização do espaço e a continuidade da comercialização dos produtos à medida em que a obra avança, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura Pesca e Abastecimento (Semapa), está organizando os trabalhadores em barracas padronizadas no Beco dos Catraeiros.

Por determinação do prefeito Edivaldo, foram disponibilizas barracas na área externa do Mercado das Tulhas para manter o serviço de abastecimento durante todo o período de obras. São 30 barracas que atendem às necessidades dos feirantes. Eles terão o espaço provisório para comercializarem e manter sua renda familiar. Após a reforma do Mercado, retornam aos seus boxes na área interna, onde ficará ainda mais agradável para realizarem seus trabalhos diários e melhor atender aos clientes.

SOBRE A OBRA

O objetivo das obras no Mercado das Tulhas é melhorar os serviços prestados ao público consumidor, garantindo a segurança aos frequentadores e trabalhadores do local, visando à acessibilidade e conforto e promovendo a revisão e modernização das redes de instalações de todo a área do mercado. Também serão realizadas no local reforma das instalações sanitárias, pintura das paredes e esquadrias, repaginação dos pátios externos, substituição do piso e a substituição de telhas da cobertura, serviço que foi iniciado nesta segunda-feira (16).

O Mercado Público da Praia Grande foi construído no século XVIII. Considerado um ponto turístico da capital, está localizado no Centro Histórico e é um dos principais pontos de compra de produtos maranhenses em São Luís.

O local vai receber melhorias que incluem reformas das paredes, pisos e instalações sanitárias, substituição de todas as telhas da cobertura dos pátios externos, além de inclusão de acessibilidade para pessoas com deficiência, garantindo conforto e um ambiente acessível para todos. Diversas melhorias que impulsionam o desenvolvimento econômico.

APROVAÇÃO

Para Ubiracy Sampaio Lima, feirante há 43 anos, a reforma irá trazer mais lucros e também geração de empregos. “A feira ainda é uma das melhores. É a primeira feira de São Luís e irá melhorar muito para nós que somos feirantes, gerar mais empregos e vamos vender mais nossos produtos e o artesanato, além de melhorar o turismo”, disse.

Kiane Maria dos Santos Serejo, de 49 anos, destaca que o mercado é frequentado por muitos turistas e com a reforma, além de trazer mais renda, atrairá mais visitantes ao espaço público. “O mercado é o ponto de referência da cidade, é um lugar onde recebemos muitos turistas vindos até de outros países. Se o turista não vier ao Mercado das Tulhas não conhecerá a essência da cidade; então a reforma trará mais clientes, renda e principalmente muita divulgação”, destaca a feirante.

O fotógrafo Joselito Froz, frequentador do mercado, enfatiza que a reforma atrairá muitas pessoas da própria cidade que nunca vieram conhecer o espaço. “Esta reforma vai incentivar muitos moradores da Ilha a vir conhecer o Mercado das Tulhas, um lugar frequentado também por muitos poetas e escritores que fazem com que o turista fique por mais tempo no espaço e conheça mais o artesanato da nossa região”, enfatizou.

SÃO LUÍS EM OBRAS

O programa São Luís em Obras inclui também a reforma de outros mercados como o do São Francisco, Cohab e Coradinho que devem ser iniciadas em breve. Por meio do programa já estão em andamento as obras do Parque do Bom Menino, a Praça da Bíblia, a Fonte das Pedras e o Estádio Nhozinho Santos.

O São Luís em Obras inclui, ainda, a requalificação da Praça da Saudade e da Praça da Misericórdia e entorno; intervenções viárias em diferentes pontos da cidade, entre outros. As obras do novo programa da Prefeitura de São Luís incluem serviços de pavimentação e drenagem por toda a cidade, ampliando os investimentos já realizados pela gestão do prefeito Edivaldo para a melhoria da infraestrutura da capital.

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.