×

Publicidade

São Luís

Prefeitura ampliará parceria com Instituto Pobres Servos da Divina Providência, na Cidade Operária

A Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) vai ampliar as parcerias com o Instituto Pobres Servos da Divina Providência, na Cidade Operária. O espaço, que já abriga dois projetos do município com serviços na área da assistência social, vai sediar a Secretaria Extraordinária da Pessoa com Deficiência e o Conselho Tutelar do bairro.

O anúncio foi feito durante a visita da titular da Semcas, Rosângela Bertoldo, e da primeira-dama, Graziela Braide, na última sexta-feira (19), à sede do Instituto.

No Centro-Dia de Referência para Pessoas com Deficiências, a secretária e a primeira-dama conheceram mais sobre o espaço, que recebe adultos com deficiência e suas famílias. Com equipe multiprofissional formada por psicóloga, assistente social, terapeuta ocupacional e cuidadores, o Centro-Dia desenvolve atividades instrumentais, esportivas e recreativas de vida diária, sempre com foco na estimulação e na inclusão social.

Continua após a Publicidade

As instalações trazem a proposta de oferecer um espaço doméstico, para que haja uma melhor adaptação do paciente e, assim, ele possa alcançar maior autonomia e independência. “A gente percebe que são serviços que estão sendo executados com excelência, com bons resultados, e são serviços assim que a Prefeitura de São Luís, por meio da Semcas, vamos fortalecer e dar continuidade”, destacou Rosângela Bertoldo.

As visitantes conheceram ainda as instalações do Centro-Dia Infantil, que comemorou três anos de atividades oferecendo serviços especializados de assistência a crianças de 0 a 6 anos, que têm algumas deficiências, entre elas, microcefalia e autismo.

O Centro-Dia Infantil trabalha a estimulação precoce de crianças que são encaminhadas pelos centros de saúde da rede pública, demanda espontânea ou mesmo através da busca ativa. O local conta com brinquedoteca, salas, dormitórios, cozinha e banheiros adaptados para atender às necessidades dos pequenos.

“Fiquei muito feliz em conhecer o trabalho desenvolvido nos centros-dia, que dá suporte não só às crianças, mas também às famílias, que precisam desse apoio. Estaremos juntos reforçando esse importante trabalho”, finalizou Graziela Braide.

Ver comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.